x
  • Olá, o que deseja buscar?

Notícias atualize-se e recomende!

INSS: Número crescente de aposentados torna concurso público prioridade 20/12/2018

No ano de 2019, por conta da reestruturação de ministérios feita pela equipe do presidente eleito Jair Bolsonaro, o Instituto Nacional do Seguro Social deverá ficar sob o comando de uma nova pasta. A autarquia deve ser transferida para o Ministério da Economia, sob o comando do economista Paulo Guedes.

Atualmente o Ministério de Desenvolvimento Social está responsável pela pasta e é responsável pelo INSS. No entanto, a mudança não muda o fato da necessidade urgência do concurso público. Isso, porque seu quadro funcional foi afetado por uma drástica redução de pessoal que vem se aposentando nos últimos anos.

Em 2016, pelo menos 4.224 servidores do órgão entraram com pedido de aposentadoria. Apenas 950 servidores ingressaram na autarquia neste ano.

Já em setembro de 2017, pelo menos dois mil servidores se aposentaram, um número extremamente alarmante. Neste período o déficit chegou há 3.274.

Espera-se que no próximo ano 18 mil servidores reúnam as condições necessárias para se aposentar no INSS. Este cenário tende a agravar ainda mais, na medida que avançam as discussões sobre a reforma da previdência, antecipando com que muitos servidores antecipem a ida para a inatividade. Estas medidas agravarão ainda mais o déficit de servidores do INSS,  que atualmente é de pelo menos 16.500 servidores.

Diante deste cenário, é cada vez mais evidente a importância da autorização de novo concurso público para 7.888 vagas no ano de 2019. O pedido já foi feito pelo INSS e tramita no Ministério do Planejamento. A solicitação inclusive já passou por avanços nos últimos dias. Um sinal que a seleção pode estar na pauta do governo.

O sistema de autorização para concursos públicos, atualmente é feito pelo Ministério do Planejamento. Não se sabe como será esquematizado em 2019, uma vez que o ministério pode ser integrado ao Ministério da Economia. A tendência é que eventuais mudanças não influenciem na avaliação de seleção prioritária.

Atualmente o concurso público do INSS é um dos mais aguardados pelos concurseiros, contemplando três cargos. Das 7.888 vagas, 3.984 são para cargos técnicos, que exige apenas ensino médio completo. A remuneração inicia em R$ 5.186,79, já incluso o auxílio alimentação de R$ 458.
Já as 3.904 vagas restantes são áreas específicas de nível superior que ainda não foram informadas pelo instituto. Também há vagas de perito com remuneração de R$ 2.212, que tem como requisito de escolaridade a graduação em Medicina. As remunerações iniciais são de R$ 7.659,87 (analista) e R$ 12.638,79 (perito), e os valores já incluem o auxílio alimentação.

Assim como no último concurso público do órgão realizado em 2015, o Cespe continua sendo uma das apostas para a nova seleção. 

Notícias

Neste espaço você encontrará notícias mais atualizadas sobre concursos públicos, processos seletivos, vagas de estágio e vagas de emprego, na forma de notícias, artigos, editais e orientações de preparação.

Siga nossas redes sociais:

Instagram: @souconcurseiro

Facebook: https://www.facebook.com/souconcurseiroevoupassarcursos

Youtube: https://www.youtube.com/user/souconcurseiro1